terça-feira, janeiro 11, 2011

Summer.

Tudo parece um pouco vazio,
mas ainda há alguma cor nas paredes...
E aquele verso que eu não lembro.
O azul do esmalte que eu não sei se gosto.

Eu nem sei aonde eu estou,
algum lugar entre o tudo e o incerto.
Separados por um mar de lágrimas que secaram.
Estou abrindo um velho relicário.

Vamos fazer disso uma jornada,
um destino.


Eu não consigo escrever o próximo verso 
se o anterior não estiver perfeito.
São tantos erros.

21 comentários:

verônica hiller. disse...

o ex-amor consegue ser mais estranho e hostil que o proprio sentimento amoroso. e como sei.

Junior R. disse...

às vezes não conseguimos mesmo continuar nem mesmo um verso, mas a intensidade que usou nas palavras deram sentimentos e qualquer tipo de imensidão ou perfeição às linhas anteriores.

wwwsinparangon.blogspot.com

Í.ta** disse...

um verso precisa do outro para dar ritmo ao poema.

ficou muito bom!

Caterpillar disse...

Tem um selinho la no meu blog(Lua de Papel) pra vc ^^

Vera disse...

Gostei :)

joana Δ disse...

obrigada pelo comentário :)

ana moura disse...

é mesmo!

Vera disse...

vá, nem sempre :3

daniela duarte disse...

obrigada :)

Os intrigantes pensamentos da Lud disse...

O erro e a imperfeição, às vezes, nos fazem andar mais seguros, já que sabemos que, com a prática chegaremos à perfeição. E mesmo que não haja perfeição nos sentimentos, estaremos preparados. Adorei o post! Parabéns!

Abraços!

jo disse...

está lindo!

bruno disse...

to bebado e tal, mas como uma garota como vc chega no blog de um bebado?

dear sarah disse...

Aposto que ainda tem coisa ai dentro, como borboletas, cores..
e intensas.

Tava sumida ein, tuas fotos do orkut estão lindas!

Alice disse...

Adorei o layout Gossip Girl é tudo ^^
Ainda mais chuck e blair *_*

Abrir o que ficou no passado é tão arriscado,mais é verdade que as vezes precisamos disto !Pra quem sabe seguir em frente nesta estrada tão incerta!

Camila Fraga disse...

eu gosto do doce inteiro.

lá love disse...

obrigada **

♥ Luciana Mira ♥ disse...

Lindo poema... Lindo blog! Beijos!

vera disse...

É mesmo!

Gabriela Orlandin disse...

Foi vc que escreveu? Ficou lindo. Adorei o seu layout também, super delicado.

com a boca no trombone disse...

Palmas pra vc!!!!!

Jorge Pimenta disse...

o vazio é apenas o lugar que marca a distância entre o sonho e a decepção. ainda assim, como bem dizes, até as lágrimas sabem secar.
um beijinho, fernanda!