domingo, fevereiro 01, 2009

Eclipse

Era só eu no meu quarto. Ainda é.
As cortinas já não são tão empolgantes como um dia elas foram, o chão já está gasto e os lençóis manchados. O guarda roupa já não é o meu esconderijo favorito, eu cresci e as coisas mudaram.
O quarto cheira a álcool e as roupas a cigarro. Minha boca não tem mais o gosto do chicletes de menta que tinha tempos atrás.
Os olhos eu procuro manter fechados pra sujeira na minha vida, eu tento ver só o que é bom.
Mas o que é bom?

O diário está cheio de páginas lotadas de mágoas dentro da gaveta do criado-mudo.
Criado-mudo para um diário mudo.
Cheio de coisas pra dizer, mas mudo.
O telefone em cima do criado-mudo não toca, cheio de coisas pra contar mas não fala, está mudo. Mudo de amigos para me ligar, mudo de vida para poder tocar.
O despertador toca, mas toca por tocar, pois nas raras noites que eu durmo, só o teu beijo me faria despertar na hora certa.
Mas o que é certo?
Minhas unhas vermelhas descascara e a minha pele bronzeada desfaleceu no branco das paredes do meu quarto. A música no rádio é um tormento pois em todo e qualquer momento me faz lembrar no tempo em que o sol era vivo, que o vermelho nas unhas era inteiro, que o telefone dizia me amar, que diário sorria ao ser aberto e que a minha boca tinha o gosto do chicletes de menta que você mascava. E os meus olhos? Ah... Os meus olhos estavam abertos, mas não viam nada, pois tudo era luz.
Luz.
Teu sorriso era luz.
Tua voz era luz.
Teu toque era luz.

Eu era Lua.
Hoje eu sou eclipse.

O amor pode resistir à distância.
A felicidade não.

16 comentários:

Rafaah disse...

Tenho medo de terremoto
UAOHOUAHUO
beeijos :*

Camila :) disse...

,tudo mudou e algo aconteceu neh :)

bejooos

Tainara disse...

Oiii, seu blog táa lindo.. beijo :*

Duanny!. disse...

"Criado-mudo para um diário mudo. Cheio de coisas pra dizer, mas mudo. O telefone em cima do criado-mudo não toca, cheio de coisas pra contar mas não fala, está mudo, mudo de amigos para me ligar, mudo de vida para poder tocar"

Puro e sincero

;D ameei.

[M]. Cartágenes disse...

Pow broto, perdão pela demora em responder ao teu comentário no meu blog. Eu estava em viagem para o Forum Social Mundial em Belém.

Sobre teu texto, eu me alegro em ver o jeito como tu escreves. Acho muito bonito, sincero, mesmo que alguns textos sejam contos, que com certeza são inpirados na vida real!

Ame sempre, mesmo que seja a parade, o objeto mais sincero depois do cachorro de estimação. Sempre te escutam e afagam!

Paz, bjo!

Juh Lima disse...

Nossa, que post forte! :o Adorei.
Beijocas querida

J. F.r.a.n.c.o! disse...

Nossa que lindo, o post é sincero e parece tão real...

já pensou em escrever um livro? =p

eu comprava! rs


BeijOs!

Querido Diário Otário disse...

Uau! Que post cheio de emoção!
Adorei!
Mas uma coisa é fato, tudo muda um dia.
As coisas vão mudando aos poucos e quando a gente percebe já mudou completamente, mas em certas vezes as mudanças são boas ^^


Beijos doces ;*

LADY DARK ANGEL disse...

Era uma Lua e um Sol.
O amor poder resistir à distância.
A felicidade não.
MAS ACHO Q A FELIIDADE FAZ PART DOO AMOR
PARABENS

B. disse...

O meu diario foi pro lixo,meu quarto com as lembrcas delwss que me matavam se foram e agora minhas noites mal-dormidas,purque meus pensamentos não param,so existe ele,o cheiro dele procura na rua,ansiando que veja ele,mesmo que de long,mas verdade queria o beijo dele avassalador em meus labios pequenos,não impotando aonde estivesse eu já não liagria mais, a sua mão acariciando o meu braço como ele sempre fazia,e agora tudo que tenho são lembrancas dele que não passam.
Comprei um novo diario,mas é so ele dnvovo que tenho.

Anônimo disse...

Fer, isso é seu??

Fer Nogas

Mary West disse...

Gosto de turbulencias, pq depois sempre saimos mais fortes do que antes.

thecatwears disse...

nooossa
dorei
triste, mas lindo

parabens

;*

-=Vehni=- disse...

São muito bem feitos seus textos!
Quando eu crescer quero escrever que nem vc!!!
xD

bjoO

alguém disse...

Nossa. Que inspiração ein? Muito perfeito. Beijo :*

Bell Bastos disse...

Se quiser fazer a comunidade, fique à vontade. E quando fizer, me avisa. auhauahua Tudo bem que eu não tenho Orkut, mas vejo pelo de alguma amiga minha. xD auhauhaua
____________________________

Eu sei que esse texto é triste e talz, mas é lindo. Cara, o pior nos relacionamentos é que sempre tem um qeu ama mais que o outro, e quando termina, um sempre sofre mais (geralmente somos nós).